/

Купить СНПЧ
Joomla



Notícias

Notícias (64)

A 24ª edição do Festival Internacional de Inverno se encerrou neste domingo (16) com mais um dia de muita cultura e música na cidade. As atrações tiveram início ao meio dia com o palco livre, na rua João Batista Wernersbach (rua de lazer) e com a Orquestra O Som das Águas do Caparaó, no coreto da praça. 
 
A chuva, como aconteceu durante todos os dias do evento, foi uma fiel companheira neste domingo, o que não afastou moradores e turistas, que lotaram o Espaço Gourmet, onde se apresentou o Grupo Cultural Martinense. 
 
Mesmo debaixo de uma chuva leve, centenas de pessoas dançaram ao som da banda Trilha, que fez "Rock da Tarde" no palco MPB, e foram seguidos do grupo de dança "Blumen der Erde Volkstanzgruppe". Ainda no Espaço Gourmet, Eden, Leandro e banda colocaram todos para dançar com o Tributo a Luiz Gonzaga. O encerramento do evento teve início às 18h30, com a presença do diretor da Associação Comercial de Domingos Martins, Adriano Roccon, que destacou a parceria da instituição com a administração municipal.
 
Em seguida a secretária de Cultura e Turismo, Rejane Entringer, fez um discurso de agradecimento, destacando a participação de toda equipe, dos músicos, professores, alunos, turistas e da comunidade de uma forma geral. "Sabemos que um evento musical com 10 dias de duração modifica a rotina da cidade e em alguns momentos pode causar algum desconforto. Por isso esse agradecimento é especial. Tudo que estamos fazendo é com muito carinho", disse Rejane. 
 
Rejane também lembrou que os trabalhos para realizar o Festival de Inverno tiveram início em fevereiro, com o planejamento para as oficinas. "O festival que termina hoje, para nós teve início em fevereiro, quando iniciamos o planejamento das oficinas, que foram anunciadas em março. Foram mais de 300 alunos de 9 estados da Federação, que passaram uma semana estudando em nossa cidade com mestres de nível internacional". 
 
O vice-prefeito Romeu Stein encerrou as falas destacando os desafios para se realizar um evento dessa grandeza num momento de crise. "É preciso ter coragem para enfrentar os desafios, fazer mudanças, e encerramos hoje um lindo Festival, de altíssimo nível com uma nova proposta. Nossa avaliação é muito positiva", finalizou Romeu. 
 
Após os discursos, a Banda de Música do 38º Batalhão de Infantaria do Exército Brasileiro fez uma apresentação impecável, envolvendo todos os presentes com clássico da música popular brasileira. Ao final todos dançaram e cantaram debaixo de chuva diversas "saideiras" junto com o vocalista da banda Leandro Freitas. Um encerramento especial para um festival que resgatou a pedagogia musical aliada a uma programação com mais de 100 horas de música.    
 
O Festival de Inverno começou no dia 07 de julho, com a apresentação da Orquestra Sinfônica do Espírito Santo, apresentando o concerto Rock Sinfônico junto com o guitarrista Cláudio Passamani. Na solenidade, além do prefeito Wanzete Krüger e do vice-prefeito Romeu Stein, estiveram presentes o vice-governador do Estado, César Colnago e a Deputada Estadual Luzia Toledo.  

Nesta quarta feira a organização do Festival de Inverno de Domingos Martins promoveu um almoço preparado pelo premiado chef capixaba Gilson Surrage. Foi um encontro de mestres da música com um mestre da culinária, especializado em frutos do mar, que leva o nome do Espírito Santo para diversos estados e países. 

 
No cardápio bobó de camarão, arroz, pirão, moqueca de banana da terra e a "nossa" tradicional moqueca capixaba. Em 2016 o chef Gilson Surrage ficou em primeiro lugar no prêmio Dólmã, considerado o prêmio máximo da gastronomia brasileira, realizado em Manaus (AM).
 
O prefeito Wanzete Kruger, que também participou do almoço, já adiantou que a prioridade para o próximo ano continuará sendo o formato pedagógico para o festival. "Não podemos mais fazer shows para multidões num evento aberto ao público como o nosso. Vamos manter a qualidade das oficinas e também a qualidade das apresentações musicais"
Um dos pontos altos do Festival de Inverno acontece durante a semana após o término da programação oficial. É quando alunos e professores se reúnem para as JAM sessions, tradicionais em eventos pedagógicos em todo mundo.
 
A expressão JAM session surgiu na década de 60, em festivais americanos que reuniam músicos de jazz, e quer dizer "jazz after midnigth" (sessão de jazz após a meia noite). Eles se encontravam no final das apresentações e se juntavam para improvisar.
 
Desde de então esses encontros foram ganhando os festivais de todo o mundo. No Festival de Inverno de Domingos Martins a ideia foi trazida pelo professor Ney Conceição, que hoje é coordenador pedagógico do Festival.
 
"Uns 10 anos atrás, quando estava dando aula aqui, pedi a organização para conseguir uma mesa de som para que pudéssemos improvisar. Aconteceu no restaurante Fritz Frida, e foi um sucesso", relembra Ney.
Com uma grade pedagógica de nível internacional, as 21 oficinas de música do Festival de Inverno tiveram início nesta segunda feira, com mais de 300 alunos e grandes nomes da música brasileira.
 
"O evento deste ano tem na pedagogia o seu protagonismo, e a consequência da vinda de professores dessa grandeza, são shows de altíssima qualidade", destaca Ney Conceição, coordenador pedagógico. 
 
O sucesso nas inscrições na edição deste ano está diretamente relacionado à qualidade dos professores e também a estratégia na divulgação. "Abrimos as inscrições para as oficinas em março, com divulgação segmentada, em faculdades e escolas de música em todo Brasil. O resultado são mais de 300 inscritos de 8 estados, além do Espírito Santo", destaca Rejane Entringer, secretária Municipal de Turismo.
 
As oficinas seguem até a próxima sexta feira, dia em que se iniciam as audições dos alunos, que seguem até o sábado.     

A noite fria da última a sexta em Domingos Martins foi aquecida pela apresentação inesquecível da Orquestra Sinfônica do Espírito Santo, com o Rock Sinfônico. Sob a regência do Maestro Helder Trefzger e a voz de Claudio Passamani, a apresentação que já lotou oito vezes o Theatro Carlos Gomes, encantou o público que lotou a praça Arthur Gerhardt.

 

O repertório repleto de clássicos do rock de bandas como Rolling Stones, Metallica, Guns n' Roses, Aerosmith, Europe, Van Halen, AC DC, Scorpions, Queen, Deep Purple, Whitesnake e Beatles, aqueceu a noite fria e chuvosa de Domingos Martins. “É uma apresentação que emociona, e o contexto do Festival, com o palco posicionado nessa praça linda, deixou a ambiente perfeito. Foi incrível”, afirmou o maestro Helder.

 

“O carinho que recebemos em Domingos Martins engrandece e motiva o artista. A cultura e arte precisam ser tratados como base para a cidadania e é isso que estamos vendo aqui”, destacou o vocalista e guitarrista Claudio Passamani.

 

Após a abertura com a Orquestra Sinfônica, Dennise Pontes fez uma apresentação perfeita no Palco Gourmet. Com o show “Bem Brasileira”, ela interpretou sambas clássicos que levantaram a platéia que cantou do início ao fim.

 

O primeiro dia do Festival terminou com uma apresentação inédita de Saulo Simonassi, com o show “MP Blues”, que mesclou arranjos de rock com composições da musica popular brasileira.  

  

  

Este ano, o XXIV Festival Internacional de Inverno de Domingos Martins uniu à Superticket para proporcionar uma experiência ainda melhor para nosso público! Agora, o festival é cashless, o que significa que você deverá adquirir um cartão que funcionará para a compra de alimentos e bebidas durante o evento.

Essa inovação utiliza sistema de tecnologia avançada para facilitar o consumo dos clientes durante o evento. O sistema Near Field Communication - NFC extingue comandas ou fichas que geram filas antes e durante a compra de alimentos e bebidas, resumindo: é uma maneira prática de pagar compras!

Para fazer compras durante o evento, você precisará carregar valores em um cartão cashless. Esse cartão será a única fonte de pagamento válida, durante todo o período do evento, no Espaço Gourmet e Palco MPB, entretanto na Praça de Alimentação será utilizado dinheiro em espécie.

Benefícios dos pagamentos cashless:

  • Transações mais rápidas;
  • Filas mais curtas;
  • Sem necessidade de troco;
  • Menos risco de perder sua carteira – seu dinheiro;
  • Melhor controle do seu orçamento e gastos – você escolhe o quanto quer carregar.

Reembolso:

O reembolso pode ser feito, durante o evento, nos próprios caixas, ou seja, depois do encerramento do evento não será mais possível solicitá-lo.

Informações importantes:

  • Quando a pessoa adquirir o cartão pela primeira vez, ela pagará R$ 5,00 (comodato) e quando devolvê-lo receberá essa quantia de volta;
  • O evento não será responsável por cartões perdidos ou danificados após a entrega dos mesmos ao destinatário.

Com toda essa tecnologia, patrocinada pelo Hotel Fazenda China Park, sua única preocupação será curtir o evento ao máximo!

Começa nesta sexta feira (07) a XXIV edição do Festival Internacional de Inverno de Domingos Martins. A estrutura para o evento está praticamente pronta, faltando apenas alguns ajustes finais. Serão 4 palcos, 21 oficinas e 3 praças de alimentação. 
 
Além dessa estrutura, a cidade fez um planejamento para o trânsito conforme mapa abaixo, visando facilitar a entrada e saída da cidade. Serão oferecidos também novos espaços de estacionamento. 
Estima-se que durante os 10 dias do festival mais de 70 mil pessoas passem por Domingos Martins, movimentando a economia em todos os setores. A previsão da Associação Comercial é que mais de R$10 milhões sejam gastos na cidade. 
 
Este ano o Festival terá a pedagogia musical como protagonista, com professores de nível internacional que também irão fazer apresentações musicais. "Serão mais de 120 horas de música, com quase 80 atrações", destaca Rejane Entringer, secretária de Turismo. 
 
Visando proporcionar mais segurança para a cidade, a Juíza de Direito da Comarca de Domingos Martins, Dra. Mônica da Silva Martins, assinou a Portaria 07/2017 com as seguintes determinações:
 
1 - Limite de horário para os eventos durante o Festival até 2h30;
2 - Proibição de sonorização veicular, carros de som, ou sonorização em estabelecimentos comerciais sob pena de apreensão do veículo ou do equipamento utilizado;
3 - Observância no Estatuto da Criança e do Adolescente, com relação a proibição de venda de bebidas alcóolicas para crianças e adolescentes;
4 - Não utilizar máscaras que escondam o rosto assim como armas de brinquedo;
5 - Observância no consumo exagerado de bebidas alcóolicas.
 
Confira na íntegra a portaria expedida pelo Juizado de Direito da Comarca de Domingos Martins: Clique aqui
 
 
0001
 
 
 
Serviço: 
XXIV Festival Internacional de Inverno de Música Erudita e Popular de Domingos Martins
07 à 16 de Julho
Praça Dr. Arthur Gerhardt - Campinho

Faltando 10 dias para a abertura oficial do Festival Internacional de Inverno de Música Erudita e Popular de Domingos Martins, as inscrições para oficinas seguem até o próximo dia 30. Das 21 oficinas oferecidas este ano, três estão com inscrições esgotadas, são elas: prática de orquestra, com o maestro Helder Trefzger, improvisação, com Nelson Faria e prática de conjunto com Toninho Horta.

 Até a manhã desta terça feira 343 inscrições estavam confirmadas por alunos de oito diferentes estados. Além do Espírito Santo, que tem a maioria das inscrições, estudantes do Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Ceará, Bahia, Distrito Federal e Maranhão fizeram inscrições para as oficinas.
 
A edição deste ano do Festival retoma a pedagogia musical como prioridade, sem deixar de lado a qualidade nas apresentações artísticas. Serão mais de 120 horas de música com mais de 70 apresentações.  

Faltando 17 dias para o início da XXIV edição do Festival Internacional de Inverno de Domingos Martins, seguem abertas as inscrições para as oficinas de música, mas algumas já estão esgotadas e para outras restam poucas vagas. Na edição desse ano serão realizadas 21 oficinas com nomes consagrados da música instrumental brasileira, que se apresentam em diversos países. As oficinas de Prática de Conjunto e Improvisação, ministradas por Toninho Horta e Nelson Faria, respectivamente, já estão com suas inscrições encerradas.

 

A edição deste ano trata a parte pedagógica como prioridade, tendo em vista esta ser a origem e a essência do Festival. O maestro as Orquestra Sinfônica do Espírito Santo, Helder Trefzger, que vai ministrar oficina de Prática de Orquestra, destaca a importância da pedagogia como protagonista do Festival: “A parte pedagógica do Festival de Inverno de Domingos Martins cumpre um papel de extrema relevância ao propiciar aos jovens e estudantes a oportunidade de estar ao lado de renomados professores em uma imersão altamente qualificada, o que torna essa experiência única, revelando todo o seu protagonismo”.

 

Além de ministrar aulas de Prática de Orquestra, o maestro Helder Trafzger vai participar da abertura oficial do Festival, à frente da Sinfônica Capixaba, que vai apresentar um espetáculo que vem lotando as galerias do Theatro Carlos Gomes em Vitória: o Rock Sinfônico. 

 

As inscrições para as oficinas seguem até o dia 30 de junho, e podem ser feitas através do site www.festivaldomingosmartins.com.

Informações pelos telefones 27 – 3268-1471.

A programação artística da XXIV edição do Festival Internacional de Inverno de Domingos Martins vai proporcionar a moradores e turistas que passarem pela cidade mais de 100 horas de música de qualidade durante 10 dias. O evento, que este ano faz um tributo à música popular brasileira, terá início dia 7 de julho às 19h, com o Grupo Cultural Martinense convidando a cidade para a abertura oficial, que será às 20h na Praça Dr. Arthur Gerhardt.

 

A abertura vai ficar por conta da Orquestra Sinfônica do Espírito Santo, que vai apresentar um espetáculo que vem encantando e lotando as galerias do Teatro Carlos Gomes, em Vitória, o Rock Sinfônico. “O Festival vai ser uma homenagem a Música Popular Brasileira, mas a abertura vai fugir do tema em função do sucesso dessa apresentação da Orquestra Sinfônica do Espírito Santo, que vem encantando a todos que assistem”, destaca a secretária Rejane Entringer.

 

Nomes consagrados da música brasileiras irão dar aulas e se apresentar no Festival, que também será palco para os capixabas que estão fazendo sucesso em todo Brasil. A programação conta também com outras orquestras e corais.

 

O lançamento da programação aconteceu no último domingo durante o concerto internacional “Duo Uno” na Igreja Luterana. Confira na íntegra o discurso da Secretária de Cultura e Turismo, Rejane Entringer.

 

Confira a programação* no link: http://bit.ly/2tbd09X

 

*Sujeita a alterações.

 

 

Pagina 1 de 5

REALIZA ORGANIZA

 

LOGOS FESTIVAL PATRO APOIO

Portuguese English German Italian Spanish